Museu POLIN

Museu POLIN

O museu POLIN oferece uma viagem através de mais de mil anos de história e tradição da comunidade judaica na Polônia. Graças à sua completa exposição, o POLIN recebeu o Prêmio Museu Europeu do Ano em 2016.

O museu POLIN da História dos Judeus Polacos expõe de forma interessante e concisa os mil anos de história dessa comunidade na Polônia, desde a sua chegada no século X até os dias atuais. O objetivo principal desse museu é abarcar toda a tradição e cultura judaica sem centrar toda a atenção no Holocausto sofrido na Europa, e sobretudo na Polônia.

O museu está localizado onde antes estava o gueto judeu de Varsóvia, durante a Segunda Guerra Mundial. Em frente ao edifício fica o monumento aos Heróis do Gueto de Varsóvia, construído em 1948.

O museu POLIN

Uma das coisas que mais chama a atenção no museu POLIN é a sua estrutura quadrangular de vidro e cristal. Uma vez dentro, o hall de entrada lembra as paisagens de Israel e é um verdadeiro simbolismo da história judaica. Os muros laterais internos são ondulados e da cor da areia, e simbolizam o momento em que o Mar Vermelho se separa e deixa que Moisés e os judeus passem, e consigam fugir do Egito

O museu está formado por oito galerias que abrangem os diferentes períodos da história da comunidade judaica, desde o seu estabelecimento na Polônia no século X até os dias atuais. O museu recria o bosque polaco do rei Mieszko (rei Miecislau I), por onde os judeus chegaram na Polônia; o teto da sinagoga de Gwoździec, as partes de uma casa tradicional judaica; as ruas do gueto de Varsóvia e muitos outros lugares.

Os visitantes do museu POLIN vão entrar em um carrossel de emoções que começa com a liberdade de culto e de mercado dos judeus e que termina com o seu quase extermínio no século XX. Antes de 1939, havia 3.400.000 judeus na Polônia; enquanto hoje em dia a cifra é de 10.000 pessoas.

A última sala do museu POLIN está dedicada à vida dos judeus da Polônia hoje em dia. 

O museu POLIN abriga também um restaurante kosher, uma livraria especializada em literatura judaica e algumas palestras periódicas sobre este assunto. 

O melhor museu da Europa

Somente dois anos depois da sua inauguração, o Conselho da Europa escolheu o museu POLIN como o Museu Europeu do Ano em 2016. É o único museu do mundo que engloba os mil anos da história dos judeus em um só país: a Polônia. Além do mais, o museu é completamente interativo, o que atrai os sentidos e transporta os visitantes a outra época.

Excursão a Auschwitz-Birkenau

Se você quer conhecer a fundo a história dos judeus na Segunda Guerra Mundial, recomendamos que você faça uma excursão a Auschwitz-Birkenau, o campo de concentração e extermínio que foi reconvertido em um museu para lutar contra o esquecimento. Você pode reservar a excursão saindo de Varsóvia diretamente no nosso site:

Horário

Todos os dias das 10:00 às 18:00 horas.
Quarta-feira, sábado e domingo: das 10:00 às 20:00 horas.
Terça-feira: fechado.

Preço

Ingresso geral: 25 (US$6,70).
Ingresso com desconto: 15 (US$4).
Quinta-feira: entrada gratuita.

Transporte

Ônibus: linhas 111 e 180.
Bonde: linhas 15, 17, 18, 33 e 35.